Copy para curso: 6 elementos mais importantes para conversão

Copywriting é o nome dado ao conjunto de técnicas de escrita que tem como objetivo persuadir o leitor a realizar uma ação. Usar o copy para curso é uma das formas de conquistar mais clientes e mantê-los ativos e engajados. 

Dentro de uma estratégia de marketing e vendas, o copy para cursos pode ser usado desde o marketing para redes sociais e anúncios pagos, até em posts blog e landing pages de vendas. Isso sem contar no próprio conteúdo do curso, que deve estimular seu aluno a acompanhar todas as aulas, sempre avançando. 

Como dissemos acima, o copywriting é uma técnica de escrita persuasiva, que vai ajudar você a tornar sua oferta atraente para o público. O objetivo é fazer com que o leitor compre o curso ou mesmo se inscreva para receber newsletter relacionadas.

Pense o seguinte: com o volume de informações espalhadas por aí, porque um usuário clicaria no seu anúncio, no seu banner, no link que você disponibilizou no texto, se inscreveria na sua newsletter e, claro, compartilhe o seu curso? 

A forma e os elementos que você usa para convencê-lo tem grande papel nisso.  

É importante que você, como criador de um curso, esteja atento para usar o copy em diferentes canais, não apenas dentro do material do curso em si. Isso vai garantir, antes de mais nada, que você tenha usuários interessados

Então, a seguir, listamos algumas dicas de como usar o copy para curso. Aproveite também e tire qualquer dúvida que restar, assistindo ao vídeo abaixo.   

Como fazer copy para curso? Principais elementos

Confira, a seguir, seis passos de como fazer copy para curso:

  1. Conheça seu público e entenda o que ele precisa 
  2. Prepare a página de vendas
  3. Seja objetivo e use uma linguagem simples
  4. Use palavras e frases de ação
  5. Apresente provas sociais
  6. Use gatilhos mentais

Conheça seu público e entenda o que ele precisa 

Uma das premissas do copywriting é tocar na ferida do leitor, ou seja, falar sobre seus problemas, dificuldades, desejos e necessidades. Como fazer isso se você não conhece o público ideal para o seu curso? Se você não conhece o perfil da persona que compraria o seu curso? 

De fato, é importante identificar a persona do seu negócio antes mesmo de criar um curso, assim você é capaz de contemplar o máximo de informações necessárias para resolver o problema que ela tem. 

Ao entender a persona do seu consumidor fica mais fácil escrever uma copy para curso que realmente conecte esse usuário a sua oferta.

A conexão entre usuário e oferta é o primeiro passo para convencer o usuário a agir em direção ao seu objetivo com aquele material.

Lembre-se que esse objetivo não precisa ser apenas a compra direta do curso, mas também o engajamento do aluno, a conversão do visitante em lead etc. 

Prepare a página de vendas

Sua página de vendas, que pode ser uma landing page ou a página dentro de um canal de cursos EAD, por exemplo, é uma importante página, afinal, é o canal que convencerá, ou não, o usuário a se cadastrar ou a comprar o curso. 

Lembre-se: não adiante um curso impecável, se ninguém tem interesse em adquiri-lo. 

Nessa etapa, o copy para curso deve priorizar as informações mais importantes logo no início da página

Depois que você despertar o primeiro interesse e gerar a primeira conexão, tem mais chance de fazer o usuário ler o restante do material. 

Comece com um bom título, preferencialmente, que atinja em cheio a necessidade da persona (que você definiu no passo um). 

Lembre-se de incluir mais informações, sempre considerando as vantagens e os problemas que a oferta, ou melhor, o curso, irá solucionar. Afinal, para quem ele é feito, que tipo de necessidade ele atende?

Tudo isso é mais importante que a lista de temas das aulas, pelo menos em um primeiro momento. 

Um exemplo de copywriting é a página da Nubank, que toca na dor do usuário de imediato e propõe a solução, também de imediato, em poucas palavras. Eu sei que não é sobre um curso, mas atende ao que estou propondo nessa etapa. 

Copy para curso

Seja objetivo e use uma linguagem simples

Todo o curso EAD deve considerar o uso de uma linguagem simples, objetivo e direta, que transmita informação em poucas palavras. 

Desde as chamadas para ação, os títulos e as imagens, até a descrição do curso, potenciais materiais auxiliares que forem usados para convencer um leitor, devem ser diretos, usar a linguagem que o potencial aluno está acostumado a lidar. 

Ser capaz de se comunicar com seu público é fundamental para atingi-lo seja pela lógica seja pela emoção. 

Use palavras de ação

Você quer fazer o usuário agir? Logo, as palavras de ação, que guiam o usuário, são indispensáveis quando o assunto é copy para curso. 

As palavras de ação mostram para o visitante o que ele deve fazer: clicar, se inscrever, se cadastrar, fazer um download…

Tudo isso faz com que ele não precise pensar muito sobre o próximo passo que deve tomar. 

Direcionar o visitante de maneira correta é uma forma de enganá-lo. 

Aproveite também para usar palavras de ação mais criativas e menos comerciais como: “descobrir” e “explorar”.

Apresente provas sociais

Provas sociais são argumentos importantes para convencer qualquer pessoa a agir. Ela mostra que a sua oferta já foi útil para alguém. Que o discurso apresentado em textos, dentro da sua página de vendas, não é apenas um discurso para conseguir o dinheiro do usuário. 

Como o próprio nome sugere, a prova social é uma validação de que os benefícios que estão sendo apresentados já foram alcançados por outras pessoas. 

Com tantos cursos online, usar as provas sociais como parte do copy para curso é uma estratégia que vai ajudar a ampliar a credibilidade do material oferecido e a aumentar a segurança do usuário. 

Esses são elementos importantes para qualquer venda online

Use gatilhos mentais

As emoções fazem parte do comportamento humano e são grandes responsáveis por nossas escolhas e decisões. Os gatilhos mentais desencadeiam essas emoções, e fazem com que uma decisão seja tomada.

Mesmo que a apresentação de argumentos lógicos (como dados sobre sucesso do curso, provas sociais, taxa satisfação dos alunos e mais) seja indispensável para o copy para curso, o uso de elementos que “mexam” com a emoção também não pode ser ignorado.

De fato, em grande parte dos casos são esses elementos que fazem o usuário realmente agir. Dar o passo final: se inscrever no curso, por exemplo.  

Entre os principais gatilhos mentais que podem ser usados no copy para curso estão:

  • Reciprocidade
  • Escassez,
  • Urgência e mais. 

Para aprender mais sobre o assunto, indicamos que acesse o material, “Como usar gatilhos mentais: 5 exemplos para vender mais”.

A estratégia de produção de conteúdo é hoje o centro do marketing digital, afinal está em todos os canais e plataformas, desde as redes sociais, SEO, e-mail marketing e muito mais. 

Para fazer a gestão de tudo isso de forma eficiente, é importante contar com uma ferramenta de marketing digital.

A LAHAR é um software de Inbound Marketing que utiliza estratégias de produção de conteúdo e automação de marketing digital, para auxiliar você a ampliar os seus resultados de vendas e aumentar a produtividade das suas ações.

Conheça mais sobre a ferramenta no vídeo abaixo,  acesse a plataforma, crie sua conta e experimente grátis por 15 dias.  

Facebook Comments

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.