E-mail marketing segmentado: 5 pontos-chave para criar campanhas

Você capta uma série de contatos de e-mail de várias fontes — landing pages, blog, pesquisas, redes sociais —, mas e depois? O que você faz com eles? Com um banco de dados construído, sua empresa pode investir em estratégias de e-mail marketing segmentado

Disparar campanhas em massa sem pensar que nem todos podem estar interessados é um erro. Separando seus contatos em grupos com o mesmo perfil, a equipe de marketing pode criar campanhas exclusivas e com potencial muito maior de conversão.

Calma que esse cenário tem solução! Você só precisa repensar seu modus operandi e sair do automático ao criar campanhas de e-mail. 

Reunimos abaixo cinco pontos-chave sobre e-mail marketing segmentado que devem ser observados e utilizados no momento do planejamento das ações. Continue lendo e suas  estratégias de e-mail marketing nunca mais serão as mesmas! 

Como fazer campanhas de e-mail marketing segmentado mais efetivas

1. Analise os contatos que NÃO se engajam com seus e-mails

O que seria um contato não engajado? Basicamente, aqueles que não abrem os seus e-mails nunca.

O principal objetivo de fazer campanhas de e-mail marketing segmentado é se comunicar com quem está interessado no seu produto ou serviço, certo?

Se a sua empresa trabalha com uma ferramenta de automação de marketing, ter acesso e analisar esses dados é mais fácil. Outros serviços como o Mailchimp também fornecem dados sobre taxa de não-abertura e marcação de spam. 

E por que essa informação é relevante para as campanhas? Principalmente, porque os serviços de e-mail como o Gmail tem algoritmos rigorosos e ficar bombardeando contatos que não se interessam pelas suas mensagens pode tornar seu endereço um spam.

Por isso, vale a pena investir no e-mail marketing segmentado para estar na caixa de entrada principal e ter taxas de abertura mais altas.

2. Invista em incentivos para novos clientes

Quem comprou no seu site pela primeira vez forma um grupo estratégico para campanhas de e-mail marketing segmentado.

Eles acabaram de fazer uma compra, estão empolgados por terem encontrado o que queriam e fidelizá-los pode render mais receita em um curto período de tempo.

Esse grupo de pessoas pode receber incentivos exclusivos no pós-venda como, por exemplo, um e-mail pedindo a avaliação do produto com um cupom de X% de desconto válido por uma semana. 

Lembre-se: envie o e-mail depois que o sistema registrar a entrega do produto. Timing é fundamental!

3. Clientes inativos não estão perdidos

Outro grupo valioso para investir são os de clientes que não fazem uma nova compra há muito tempo — a partir de 3 meses ou mais

As campanhas de e-mail marketing segmentado podem ser feitas de forma seriada. Avise de novos produtos que chegaram na categoria da última compra, por exemplo, e ofereça um cupom de desconto junto com os e-mails. 

Nesse caso, invista em uma linha de assunto interessante para chamar a atenção do seu contato e fazê-lo clicar imediatamente para ler o e-mail. 

segmentacao-email-marketingFonte: Bqool.

De acordo com o segmento do seu negócio, as campanhas para clientes inativos podem variar. Seu site vende fraldas? Um e-mail semanal é pertinente. Vende produtos de maquiagem? Envie a cada três meses e-mails com as principais novidades. 

4. Crie campanhas voltadas para coleções

As empresas do setor de vestuário e algumas do setor de produto conseguem muitos benefícios investindo em campanhas de e-mail marketing segmentado para as coleções.

O segmento que gosta de uma linha de produto e compra com frequência ou pelo menos abre os e-mails tem um potencial maior de comprar novamente se tiver novidades.

Suponhamos que você vende canecas divertidas e a cada trimestre produz novas versões da linha de super-heróis. Os clientes que já compraram essa coleção é o grupo principal para receber um e-mail com as novidades.

Analise o histórico de taxa de abertura de e-mail para refinar o interesse. Priorize clientes que abriram e-mails da empresa nos últimos 60 dias, por exemplo, para evitar envio para clientes desinteressados. 

5. Fique um passo adiante das necessidades do cliente

Segmentos como o de vestuário infantil e tecnologia oferecem oportunidades de antecipar necessidades e desejos dos clientes. 

Afinal, os pais precisam comprar um volume de roupa nova grande nos primeiros anos de vida dos seus filhos. E quem é louco por tecnologia e não perde uma atualização, deseja muito saber as novidades.

Se o seu negócio mantém o cliente informado sobre o que há de novo no seu site, ambos os lados só tem a ganhar.

Um fluxo de nutrição de e-mail marketing segmentado e automatizado funciona perfeitamente para esse tipo de campanha. 

Se o cliente fez uma compra do último iPhone, pode receber um e-mail com os acessórios exclusivos para o seu modelo de celular e, claro, quando o novo modelo do smartphone estiver disponível. 

Esse tipo de segmentação baseada na oportunidade vai atrair visitas qualificadas para páginas estratégicas do seu site. 

Gostou das dicas sobre e-mail marketing segmentado?

Investir nas campanhas de e-mail marketing segmentado, pensadas estrategicamente para os clientes certos, vai aprimorar suas estratégias com o tempo e aumentar as chances de ter um fluxo de vendas maior. 

Use uma ferramenta de e-mail marketing que se integre ao sistema da sua loja virtual para facilitar a segmentação e o envio das campanhas. 

Quer aprender como criar sua campanha de e-mail marketing do ZERO, sem esquecer nenhum detalhe? Confira as 3 etapas fundamentais de como criar e-mail marketing e obter sucesso na sua campanha.

A LAHAR é um software de automação de marketing que ajuda na sua estratégia de nutrição de leads, inbound marketing e vendas em um sistema completo para fazer sua empresa crescer mais. Crie sua conta e experimente grátis por 15 dias.

Facebook Comments

Deixe uma resposta