Checklist com 4 passos sobre como criar lista de email do ZERO

A estratégia de e-mail marketing gera um ROI médio de R$ 38 a cada R$1 investido. Mas, como criar lista de e-mail do zero?

Para alimentar uma campanha de e-mail marketing é preciso que você tenha contatos em sua base, para isso a captação de leads deve ser uma preocupação para sua empresa.

Leia mais: Aprenda como calcular o ROI de um investimento e monitorar seus resultados

Pensando nisso listamos a seguir algumas dicas de como criar lista de email do zero. Grande parte delas também podem ser usadas para engordar a sua base, já existente, de leads.

4 passos de como criar lista de e-mail do ZERO

Para criar uma lista de email você precisa realizar outras ações antes.

1. Conheça seu público

Quase toda estratégia de marketing começa com uma dica como essa.

Entender quem é o seu público alvo e quais são as necessidades que ele tem e que a sua empresa pode solucionar deve ser a base para começar uma tática que retornará em mais clientes.

Se você tem o objetivo de criar uma lista de e-mails é importante que você saiba o que oferecer para o usuário em troca dos dados dele.

Você não espera conseguir o e-mail de um visitante do seu site sem oferecer nada em troca, não é mesmo?

Seja notícias em primeira mão, descontos exclusivos, conteúdos relevantes ou outros argumentos, você precisa saber o que é valioso para o cliente em potencial e oferecer em troca dos dados.

Atualmente o público alvo é mais conhecido como persona. Ao criar uma persona para seu cliente ideal você consegue identificar muito mais informações do que idade, gênero e local onde mora.

Criar uma persona permite descobrir o que é importante para o seu futuro cliente e oferecer a ele uma solução.

Além disso, você também acaba descobrindo onde essas pessoas estão.

Aprenda como criar as personas de seus clientes no vídeo abaixo:

2. Desenvolva um site

Se a sua empresa ainda não tem um site, saiba que você está muito atrasado, principalmente, quando o assunto é criar uma lista de e-mail.

O site do seu negócio será usada para:

3. Planeje uma oferta tentadora

Uma oferta tentadora é o que você vai oferecer ao usuário em troca dos dados dele.

Como falamos acima, as pessoas precisam de um motivo para preencherem um formulário e entregarem seus dados de contato para uma empresa (que pode ser conhecida por ele, ou não).

Entre as opções de proposta de valor que mais ajudam em como criar lista de email estão:

  • acesso gratuito ao seu serviço por um período de tempo;
  • acesso a novas pesquisas e relatórios;
  • descontos;
  • brindes;
  • acesso a conteúdo relevante em formatos como ebook;
  • inscrição em webinar gratuito e mais.

4. Crie landing pages segmentadas

Uma landing page é a página de conversão. Ela é uma página simples que abriga sua oferta de valor e oferece um formulário para ser preenchido pelo usuário que está visitando o canal.

A landing page é direta e pode ser usada como link para anúncios pagos, divulgação em redes sociais e mais.

Ao acessá-la o usuário apenas tem acesso a oferta que agrada a ele. Preenchidos os dados ele acessa o material e você passa a ter aquele lead para trabalhar em ações de nutrição e conversão.

Você pode criar uma bela landing page em apenas alguns minutos usando um software de automação de marketing, como a LAHAR, por exemplo.

A maioria das landing pages possui alguns recursos principais, como uma imagem, título e botões de CTA.

Também é por meio dela que você pode começar a fazer o trabalho de qualificação do lead.

Como você pode analisar, no exemplo a seguir esses elementos estão em destaque.

Como criar lista de email

Uma landing page não é a única forma de fazer a conversão de visitantes em leads. Você pode criar outros canais para que isso ocorra, como:

  • Pop-ups de intenção de saída;
  • Floating Bar e mais.

Quer mais dicas sobre isso? Acesse o artigo; Como conseguir mais leads: 12 táticas para ampliar sua base”. 

 

E as próximas etapas?

Com os 4 passos sobre como criar lista de email sua empresa começará a receber uma série de leads, mas o que fazer agora?

Após a captação de leads seguimos para as próximas etapas do funil de vendas.

É hora de entrar em contato com os lead captados e para isso você vai precisar de uma plataforma de e-mail marketing.

Por mais que existam plataformas simples como o Mailchimp, a melhor opção para criar um relacionamento com seus leads é através de um software de automação de marketing.

Ele permite que suas ações sejam melhor planejadas e executadas por meio da automação de e-mail marketing.

Uma plataforma como essa permitirá que, além de disparar o e-mail, você seja capaz de:

  • segmentar os leads de acordo com diferentes perfis de personas e estágios do funil de vendas;
  • identificar quais leads estão mais próximos de se tornarem clientes pagantes;
  • criar um fluxo de nutrição automatizado e personalizado, e muito mais.

Dentro de uma estratégia de Inbound Marketing, esse passo é especialmente valioso. Aprofunde seu conhecimento, com o artigo; “Guia Completo em Inbound Marketing: O que é e como aplicá-lo ao seu negócio”.

Se você deseja investir em geração de leads, nutrição e conversão, sugerimos que conheça a LAHAR.

Somos um software de automação de marketing com mais de 700 clientes e 10 milhões e-mails disparados por mês. Ao automatizar suas tarefas diárias de marketing é possível focar em melhorar sua estratégia de nutrição de leads, inbound marketing e vendas.

Com um sistema completo ajudamos sua empresa crescer mais. Crie sua conta e experimente grátis por 15 dias.

Facebook Comments

Deixe uma resposta