Outbound e-mail marketing: como gerar mais leads em menos tempo

O e-mail marketing pode fazer parte de uma estratégia de Outbound e Inbound marketing.

Mas como funciona o Oubound e-mail marketing? 

Para realizá-lo você precisa comprar uma lista de e-mails? 

Antes de mais nada: não compre lista de e-mails! 

Essa prática é condenável e pode ser considerada crime em alguns casos. Além disso, bases de contatos comprados geram taxas de entrega menores e prejudicam a imagem da sua empresa.

Então como fazer Outbound E-mail Marketing?

O Outbound marketing diz muito mais sobre o tipo de mensagem enviada do que sobre como os leads são captados. 

Assim como no Oubound Marketing de maneira geral, as mensagens de e-mail dessa estratégia são consideradas mensagens frias. 

Isso porque você vai tentar iniciar uma conversa com alguém via e-mail sem anteriormente ter tido algum tipo de contato com lead.

Ou seja, é provável  que o contato não conheça a sua marca!

Mas como esses leads chegam até sua empresa?

Leads de ações de outbound por e-mail marketing podem ter sido captados em ações com landing pages, webinars e em redes sociais, tal como uma ação de Inbound Marketing por e-mail.

Nesses casos o que muda, como já falamos, é o conteúdo compartilhado.

Entretanto, eles também podem vir de uma construção de base de contatos ativa que sua equipe de marketing e vendas possa ter feito usando:

  • Google;
  • LinkedIn;
  • um evento;
  • por meio de uma pesquisa em sua região sobre potenciais clientes que correspondem ao perfil da sua persona.

Esse modelo de captação de leads é geralmente usado por empresas B2B, e é uma maneira sustentável de gerar leads para suas equipes de vendas e marketing.

Ao contrário do Inbound Marketing que se concentra nas fases do funil de vendas em que cada grupo de leads está para então compartilhar conteúdos relevantes que eduquem os clientes, no Outbound as mensagens são tipicamente de vendas.

O Inbound se concentrar na nutrição dos leads.

O Outbound e-mail marketing prioriza a conversão desses contatos, imediatamente.

Entretanto, atenção! Isso não quer dizer que você não deva segmentar seus contatos ou se esquecer das boas práticas de como criar campanhas de e-mail marketing.

Mostrar para o lead que aquele conteúdo, oferta ou informação compartilhada é exclusivamente para ele continua sendo uma boa estratégia de conversão, mesmo quando o assunto é o Outbound e-mail marketing.

Em suma, com a abordagem certa, uma campanha de outbound e-mail marketing pode:

  • atrair novos prospects;
  • gerar mais oportunidades de vendas;
  • manter sua marca na mente de seus clientes;
  • ampliar o volume de novos negócios.

Prospecção por meio do Outbound E-mail Marketing

O Outbound e-mail marketing é uma estratégia bastante usada para prospecção.

Enquanto a natureza do Inbound marketing exige que você espere pacientemente que os usuários descubram seu conteúdo e o aceitem, com o outbound sua empresa pode agir ativamente para contatar novos prospects.

Por meio do Outbound e-mail marketing você poderá enviar e-mail para contatos que não se inscreveram em seus canais de conversão de leads.

Dessa forma você apresenta sua empresa para uma base de clientes que ainda não havia interagido com ela.

Após o primeiro contato por e-mail os leads contatados por meio de ações de outbound passam a integrar seus funil de vendas.

Isso quer dizer que você pode acelerar o processo de captação de leads e ampliar as oportunidades de negócio.

A partir da primeira interação com seu e-mail eles são encaminhados ao fluxo estabelecido pelo software de automação de marketing, seguindo o caminho que você definir em seu estudo de jornada do consumidor.

Se você estiver realmente querendo acelerar o crescimento da geração de lead o Outbound e-mail marketing é uma das maneiras mais rápidas de manter o funil de vendas continuamente cheio de leads.

Outbound E-mail Marketing: 6 dicas para alcançar melhores resultados

Separamos 4 dicas que vão te ajudar na hora de tirar o melhor de uma estratégia de outbound e-mail marketing.

#1 Mantenha a persona do seu negócio em mente

Não adianta criar uma base de e-mail com contatos que não correspondam a persona de seu negócio.

Quantidade não é prioridade nem mesmo em estratégias de Outbound e-mail marketing.

Tentar converter usuários que não fazem parte do seu público alvo faz você e sua equipe perderem tempo.

Além disso, você tem uma queda significativa dos resultados apresentados pelos indicadores de e-mail marketing.

# 2 Ofereça um valor claro e imediato

Uma vez que os contatos ainda não conhecem a sua empresa é preciso se apresentar com uma proposta de valor que realmente faça o lead querer se envolver com sua marca.

Crie uma mensagem personalizada direta desde a criação do assunto. Somente assim você terá uma melhor taxa de abertura de e-mail marketing.

#3 Atenção ao assunto de seu e-mail

Falando de assunto de e-mail, lembre-se que ele é o primeiro contato que seu lead terá com o material que você enviou.

Ele determinará se o usuário terá ou não interesse em abrir o e-mail.

Algumas dicas são valiosas nessa construção:

  • aborde pontos problemáticos que suas personas apresentam;
  • garanta que assunto e conteúdo tenham relação direta, caso contrário o lead se sentirá enganado;
  • ofereça uma solução de alto valor já no assunto do e-mail.

Quer ter acesso a mais dicas sobre esse assunto? Acesse o conteúdo; “5 ideias incríveis para assuntos em Email Marketing“. 

#4 Ofereça conteúdo de qualidade

Agora que você acertou no assunto do e-mail é hora de se dedicar à construção do conteúdo do interior.

Criar e compartilhar um conteúdo relevante é uma maneira muito eficaz de chamar a atenção do contato e agregar valor. Entre as opções mais interessantes estão:

  • cases;
  • pesquisas;
  • depoimentos;
  • convites para webinar;
  • ebook;
  • whitepapers.

#5 Segmente sua lista de e-mails

Já falamos sobre segmentação de contatos, mas é importante reforçar esse conceito.

O conteúdo personalizado tem mais chances de ser notado na caixa de entrada de um contato.

#6 Acompanhe as métricas da sua campanha

Você deve acompanhar os resultados de cada um de seus e-mails disparados e entender como os leads se comportam em cada um deles.

Desenvolver testes A/B também pode ser interessante no início de seu trabalho com outbound e-mail marketing.

Algumas plataformas oferecem relatórios de campanha personalizados.

Avalie os resultados de métricas como taxas de abertura e as taxas de cliques (CTR) de cada e-mail e permaneça otimizando as campanhas de outbound e-mail marketing para alcançar melhores resultados de retorno sobre investimento.

E ai, preparado para iniciar uma estratégia de outbound e-mail marketing?

Entre em contato com a LAHAR. Com uma equipe altamente capacitada desenvolvemos, em conjunto com você, campanhas de e-mail marketing automatizados para o trabalho de nutrição de leads e consequente estímulo à conversão. Além disso, na mesma ferramenta você encontra soluções para mídias sociais, landing pages e muito mais.