Anunciar no Facebook ou Instagram: 4 aspectos que vão te ajudar a escolher

Você deseja lançar uma campanha online, mas seu orçamento é limitado e você está em busca da resposta para a dúvida cruel: o que é melhor, anunciar no Facebook ou Instagram?

Facebook e Instagram estão entre as mais populares redes sociais do mundo e também entre as ferramentas de links patrocinados mais disputadas e cobiçadas.

Sejamos honestos, o marketing para redes sociais é uma ferramenta versátil, econômica e poderosa para ser usada tanto por profissionais de marketing quanto por proprietários de pequenas empresas.

As mídias sociais, e as estratégias criadas em torno delas, tem uma lista de benefícios:

  • alcançar o público-alvo;
  • aumentar as vendas;
  • aumentar o reconhecimento da marca;
  • aumentar as taxas de conversão;
  • aumentar o tráfego para o seu site;
  • até melhora a classificação dos mecanismos de busca.

Não admira, portanto, que cada vez mais empresas decidam incluir as mídias sociais em suas estratégias de marketing.

De fato, de acordo com a Statista, os investimentos em publicidade na mídia social devem crescer para 48 bilhões de dólares em 2021. É impressionante, não é?

Agora, seja você um profissional de marketing iniciante ou experiente, convém saber em qual plataforma iniciar sua campanha de mídia social. Afinal, a publicidade nas mídias sociais pode ser cara e para obter os melhores resultados, você precisa investir nos anúncios certos na plataforma certa.

É sobre isso esse artigo. Nosso objetivo é responder: minha empresa deve anunciar no Facebook ou Instagram?

Anunciar no Facebook ou Instagram: o que eles têm a oferecer?

Entre todas as plataformas de mídia social, há duas, que são as mais interativas e, portanto, podem dar a você um ROI notável: Facebook e Instagram.

Facebook, como você provavelmente já sabe, é grande. Na verdade, é mais que grande. Desde o seu lançamento em 2004, o Facebook cresceu tanto que o número médio diário de usuários em junho de 2018 era de 1,47 bilhão/dia.

Embora a missão original seja ajudar as pessoas a manter contato com seus amigos e familiares, a plataforma também ajuda as empresas a alcançar seus clientes por meio da publicidade.

O Instagram, por outro lado, é uma plataforma mais jovem. Lançado em 2010, o Instagram é a casa da narrativa visual para todos: artistas, celebridades, adolescentes, marcas e outros.

Após o seu lançamento, imediatamente ganhou popularidade e, já tem mais de 1 bilhão de usuários ativos por mês.

Na verdade, Mark Zuckerberg, o fundador do Facebook, vendo o rápido crescimento e sucesso do Instagram, decidiu comprá-lo em abril de 2012.

Agora, é óbvio que ambas as plataformas são ótimas para publicidade. No entanto, seria melhor você anunciar no Facebook ou Instagram? Em qual mídia você deveria lançar sua campanha?

Vamos descobrir por meio de uma análise comparativa entre ambas.

1. Engajamento da marca

Você sabia que existem mais de 60 milhões de páginas da empresa no Facebook?

Infelizmente, embora muitos usuários gostem ou sigam uma página de negócios do Facebook, apenas 32% deles se envolvem com marcas na rede, regularmente, compartilhando conteúdo, deixando comentários e fazendo perguntas.

A situação parece um pouco melhor com o Instagram. 70,7% das empresas usam o Instagram para fins de marketing. Muitos criaram Perfis de Negócios do Instagram e anunciam regularmente.

Além disso, 80% dos usuários seguem pelo menos uma empresa no Instagram e, 68% deles se envolvem com marcas regularmente.

Mas atenção, embora o Facebook tenha um engajamento menor com a marca, ele recebe mais de 8 bilhões de visualizações de vídeos por dia. Já o Instagram, por outro lado, é ótimo com imagens. Assim, é uma boa prática investir em anúncios de vídeo no Facebook e anúncios de fotos no Instagram.

2. Audiência e segmentação

O Facebook pode não ser a melhor plataforma de mídia social em termos de engajamento do consumidor com as marcas, mas, por ser uma das plataformas de mídia social mais antigas e que ganhou a maior popularidade, tem um público enorme em todo o mundo.

Segundo a pesquisa, homens e mulheres de todas as faixas etárias estão ativos no Facebook. No entanto, os usuários mais ativos são homens de 25 a 34 anos.

O Instagram, por outro lado, tem um público menor. As estatísticas mostram que, embora homens e mulheres usem o Instagram, nem os sexos nem todos os grupos etários são igualmente ativos. Ocorre que o público principal do Instagram é de homens e mulheres de 18 a 34 anos.

Assim, se você está tentando alcançar mulheres de gerações mais jovens, ou seja, geração Z e geração do milênio, você deve anunciar predominantemente no Instagram. Se o seu público-alvo for jovem, você terá chances iguais de alcançá-lo nas duas plataformas de mídia social.

No que diz respeito às gerações mais antigas, elas não são tão ativas em nenhuma das plataformas. No entanto, você tem chances muito maiores de acessá-las no Facebook do que no Instagram.

Anunciar no facebook ou instagram

Fonte: Abemd

3. Tipos de anúncios

Quando você der uma olhada no Guia de Anúncios do Facebook, poderá notar que existem muitos tipos diferentes de anúncios disponíveis no Facebook. Na verdade, existem 11 tipos de anúncios que você pode escolher:

  • anúncios em vídeo: vídeos recomendados até 15 segundos com legendas;
  • anúncios gráficos: uma imagem atraente acompanhada por uma mensagem persuasiva;
  • anúncios de coleção: uma imagem de capa ou vídeo seguido por algumas fotos do produto;
  • anúncios em carrossel: você pode exibir até 10 imagens (ou vídeos) em um único anúncio, cada um com seu próprio link;
  • anúncios de geração de leads: capture as informações do usuário;
  • anúncios de oferta: permitem criar e estender descontos e promoções oportunos para seu público-alvo;
  • publicar anúncios de engajamento ou postagens impulsionadas: ajudam você a compartilhar informações sobre sua empresa com os usuários;
  • anúncios de resposta a eventos: ajuda você a promover eventos;
  • page likes: pode ser usado para levar seu público a curtir sua página no Facebook, entre outros.

Anunciar no facebook ou instagram

Agora, e o Instagram? O Instagram também pode oferecer uma enorme variedade de anúncios? De fato, não. Existem apenas 4 tipos de anúncios para você escolher no Instagram:

  • anúncios de fotos: permite exibir seus produtos por meio de imagens;
  • anúncios em vídeo: podem ter até 60 segundos;
  • anúncios em carrossel: os usuários podem passar por até 10 imagens ou vídeos, cada um com um botão de CTA que os conecta ao seu website;
  • anúncios de histórias ou stories: anúncios em tela cheia nos quais você pode compartilhar fotos e vídeos com seu público.

Como você pode ver, há menos tipos de anúncios no Instagram do que no Facebook. Ainda assim, o Instagram tem algo a oferecer. Vamos dar uma olhada em anúncios de histórias, ou stories.

Você sabia que os anúncios de histórias são melhores que os anúncios de feed?

Um estudo recente da Agora Pulse prova que as histórias do Instagram têm uma taxa de conversão 23% maior do que os anúncios de feed e têm 78% mais cliques. Incrível, não é?

Além disso, como os Stories Ads são versáteis, eles oferecem muito espaço para a criatividade e permitem o lançamento de muitos tipos diferentes de campanhas de mídia social, como:

  • conscientização de marca;
  • instalação de aplicativos;
  • geração de leads;
  • cliques;
  • vendas.

Assim, eles são um dos melhores e mais econômicos tipos de anúncios para usar no Instagram.

Agora, aqui está a pergunta final: em quais anúncios em quais das duas plataformas você deve investir?

Receio que isso dependa do tipo de sua empresa e do que você deseja alcançar em sua campanha.

4. Custos

Quanto custa anunciar no Facebook ou Instagram?

Os custos médios do Facebook giram em torno de alguns números significativos. Embora CPC médio (custo por clique) gire em torno de R$ 0,30 a R$ 0,50, existem muitos fatores que podem influenciar o custo de seus anúncios:

  • objetivo do anúncio;
  • tipo e quantia de lance;
  • público;
  • qualidade do anúncio;
  • seu setor.

Agora uma análise sobre os custos com a publicidade no Instagram.

Embora o CPC médio seja de US$ 1,41, o custo dos anúncios também é influenciado por vários fatores, desde o público-alvo até o feedback do anúncio.

Então, vale a pena anunciar no Facebook ou Instagram? Sim. Lembre-se de que tanto o Facebook quanto os anúncios do Instagram podem gerar um alto ROI.

Mas, para não falir com publicidade nas mídias sociais, você precisa ser esperto em criar e escolher tipos de anúncios corretos. No início invista valores menores e vá acompanhando as métricas de marketing digital para entender o que dá mais certo para seu negócio. Após um período de análise invista no que trouxer mais retorno.

Para colocar a mão na massa, sugerimos que você leia os artigos:

Anunciar no Facebook ou Instagram? Agora é a sua vez!

Como você deve ter percebido ao longo deste texto, anunciar no Facebook ou Instagram têm muito a oferecer e podem lhe dar um alto ROI. Então, aproveite as duas plataformas (se possível)!

Lembre-se de que alguns tipos de anúncios funcionam melhor em uma plataforma e outros no outro (como anúncios gráficos e em vídeo). Além disso, você pode decidir alcançar Millennials apenas no Instagram e gerações mais antigas no Facebook.

Existem muitas possibilidades e estratégias que você pode usar.

Analise seu planejamento estratégico de marketing digital, compreenda bem as personas de seu negócio e defina o formato que deseja utilizar.

Leia também: Google Adwords ou Facebook Ads: em qual você deve investir?

Para ampliar ainda mais os resultados de seus anúncios, com análise de tendências, indicação de palavra-chave, acompanhamento de métricas, conversões, e mais, você pode contar com um software de automação de marketing digital.

A LAHAR possui uma série de funcionalidades como painel de palavras-chave, gestão de redes sociais, criação e otimização de landing pages, disparo de e-mail marketing estratégico e muito mais.

Entre em contato com a nossa equipe e descubra como podemos ajudar você a aumentar a conversão de suas ações, incluindo Adwords, Instagram Ads e Facebook Ads.