Dicas para e-commerce: da escolha da plataforma às ações de marketing

As vendas de comércio eletrônico não param de crescer. Só no primeiro trimestre de 2019 um aumento de vendas de 23% foi notado no setor. Então como ter acesso a uma fatia desse sucesso? Se você está pensando em investir no setor, confira nossas dicas para e-commerce.

Dicas de e-commerce: como construir seu site de maneira fácil

O comércio digital está atraindo a atenção de quem deseja criar seu próprio negócio de maneira mas rápida e sem tantos custos.

Além disso, as vendas online não param de crescer e a cada dia fazem mais parte do comportamento do consumidor.

Se você já identificou tudo isso é hora de seguir as dicas de e-commerce e começar seu novo negócio.

1. Cumpra os compromissos burocráticos

Assim como qualquer outro tipo de empresa, ao abrir um e-commerce é preciso considerar alguns aspectos burocráticos.

Para que você possa emitir notas fiscais, fazer parcerias com transportadoras e ter a confiança de seus clientes considere as seguintes etapas no pré-lançamento do e-commerce:

  1. Registre sua empresa. Talvez seja importante buscar apoio de um contador que irá ajudar sobre questões tributárias e legais.
  2. Compre um nome de domínio. O endereço do seu e-commerce é muito importante. Busque apoio em plataformas como GoDaddy.
  3. Escolha a plataforma de comércio eletrônico ideal para seu modelo de negócios. É por meio dela que você irá cadastrar produtos, criar seu sistema de checkout e gerenciar clientes.
  4. Defina com qual processador de pagamento digital você irá trabalhar.

Não faz ideia de por onde começar a pesquisar sobre plataformas de e-commerce? No vídeo abaixo você tem acesso a dicas preciosas! Não deixe de assistir.

2. Escolha o produto que você irá vender

Isso é bem óbvio, mas algumas pessoas ainda tem duvidas sobre o que vender.

Mesmo que este não seja seu caso é interessante pesquisar se o produto que você pensa em comercializar está sendo procurado, correto?

Afinal você não quer vender algo que ninguém quer comprar!

Algumas ferramentas vão ajudar você a entender qual é a tendência de consumo atual, o que os usuários estão pesquisando e comprando.

Entre as ferramentas que você pode usar nessa fase de pesquisa estão:

Atenção: ao definir um ou mais produtos principais de venda aproveite para escolher opções adicionais que podem aumentar o ticket médio das vendas. Por exemplo, vai vender celulares? Inclua uma categoria de acessórios como capinhas, películas, carregadores portáteis e mais.

Após lançar seu e-commerce continue atento ao movimento do mercado e inclua as novidades dentro do seu nicho.

3. Faça testes de compra e logística

Uma das dicas de e-commerce mais importantes e talvez menos usada é a realização do teste de funcionamento geral da plataforma:

  1. Peça para amigos realizarem uma compra
  2. Entenda onde eles sentem dificuldades
  3. Confira sua logística de entrega
  4. Corrija erros de digitação e links quebrados

Quando estiver tudo funcionando bem, faça o lançamento de sua loja.

4. Crie uma estratégia para atrair clientes

Uma loja virtual sem uma estrategia de marketing é uma loja as moscas.

Como você espera que alguém compre de você se não sabe da sua existência?

Após seguir as dicas de e-commerce acima é hora de criar uma estratégia de marketing digital para ecommerce.

Considere ações de:

  • atração;
  • conversão de visitantes em leads;
  • nutrição de contatos;
  • conversão de vendas.

Invista em diferentes formas de marketing digital. Entre as que apresentam melhores resultados para esse tipo de negócio online estão:

  • anúncios pagos em plataformas como Google Adwords e Facebook Ads;
  • anúncio no Google Shopping;
  • SEO para atração de tráfego orgânico;
  • marketing de conteúdo que apoia as ações de SEO e auxilia no rankeamento do site nos mecanismos de busca;
  • divulgação em redes sociais com o objetivo de aumentar o reconhecimento da marca e direcionar tráfego ao site;
  • estratégia de influenciadores digitais para maior alcance de marca;
  • e-mail marketing para relacionamento, ativação de clientes e conversão de vendas e mais.

Aqui estão algumas dicas de ecommerce para criar uma estratégia de marketing de conteúdo do zero; “Como fazer a produção de conteúdo relevante para captar leads”.

Construindo seu e-commerce

Espero que as dicas de e-commerce que listamos aqui te ajudem a ter uma melhor compreensão do que é preciso para construir sua própria loja virtual.

Por mais que pareça complicado demais, hoje em dia você tem uma série de ferramentas e plataformas que ajudam desde a construção do sistema da loja até a sua divulgação. 

Se você realmente deseja criar seu e-commerce, tudo o que você precisa fazer é começar. Use as informações acima e comece a implementar.

Talvez você não consiga fazer tudo de uma vez, mas o mais importante é experimentar, errar e seguir em frente.

Como você verá no artigo; “Marketing para E-commerce: 8 estratégias e tendências para o sucesso”, com o passar do tempo, seu e-commerce precisará investir em outras ações de marketing, além das indicadas acima.

Agora anote ai uma dica extra!

Para uma estratégia de atração e conversão de clientes completa e eficaz você vai precisar do apoio de um software de automação em marketing digital.

O software da LAHAR é completo e oferece as funcionalidades ideais para sua gestão de leads e clientes:

  • Criação de landing pages (sem precisar de códigos) para capturas de cadastros
  • Agendamento e monitoramento de publicação em redes sociais
  • Ferramenta de e-mail marketing para criação de campanhas e automação
  • Gestão e segmentação de contatos cadastrados na ferramenta
  • Lead tracking e lead scoring para auxiliar na estratégia de inbound marketing
  • Relatórios unificados que ajudam na tomada de decisão
  • E mais!

Na Lahar temos uma equipe especializada que te dará um suporte inicial para criação da estratégia de marketing para seu e-commerce e fazer você vender mais. Vamos começar?