Email marketing para ecommerce: 5 dicas para transformar leads em vendas

Hoje, o email marketing para ecommerce oferece o maior retorno sobre o investimento para os profissionais de marketing digital. Na verdade, o email marketing retorna R$ 38 para cada R$ 1 gasto. Esse único dado já responde a sua dúvida se e-mail marketing vale a pena.

Embora o e-mail marketing para ecommerce seja a oportunidade perfeita para atingir as metas de conversão, muitas lojas online não conseguem aproveitar o e-mail como um canal de marketing de alto desempenho.

Quando gerenciado corretamente, o e-mail marketing para ecommerce pode ajudá-lo a:

  • adquirir novos clientes;
  • vender mais produtos;
  • aumentar a receita.

É por isso que compartilharemos 5 dicas práticas para otimizar seus esforços de marketing por e-mail com exemplos. E a melhor parte é que você pode implementá-las dentro de horas.

5 dicas úteis para o sucesso do email marketing para ecommerce

1. Segmente sua lista de e-mail

Cada cliente é diferente, então você precisa tratá-los de forma diferente. Eles têm diferentes origens, necessidades e interesses. Segmentar sua lista e enviar e-mails direcionados ajuda você a se manter relevante com seus inscritos. E, à medida que recebem ofertas mais relevantes, é mais provável que se convertam em clientes.

Leia também: O que é funil de leads e 5 dicas para converter mais vendas

Além disso, as campanhas de email marketing segmentado recebem mais 14,331% de aberturas e 100,95% mais cliques que as campanhas não segmentadas.

Você também não precisa de longos formulários de inscrição para uma estratégia de e-mail marketing para ecommerce bem-sucedida. Exemplos de segmentação podem ser aplicados a partir de perguntas simples sobre idade, sexo, localização ou interesses pode ajudar a criar públicos segmentados e garantir que seus inscritos recebam apenas conteúdo relevante.

Os softwares de automação de marketing começam a segmentar seu público logo depois que um visitante se inscreve em sua lista de e-mail. Desta forma, a empresa pode enviar aos seus clientes conteúdo relevante e ofertas direcionadas.

Email marketing para ecommerce

O comportamento de compras é outra maneira de segmentar assinantes e enviar e-mails de acompanhamento com base na atividade de alguém. Isso é altamente eficaz.

Você pode segmentar os clientes com base:

  • no histórico de compras;
  • no tamanho do carrinho de compras;
  • pelas listas de desejos;
  • pelo envolvimento com e-mail;
  • no abandono do carrinho.

E-mails de carrinhos abandonados talvez sejam o exemplo mais popular de segmentação de clientes e estratégia de e-mail marketing para ecommerce. Voltaremos a isso daqui a pouco.

Email marketing para ecommerce

Não se esqueça dos clientes inativos também. Volte a envolvê-los com campanhas de email, oferecendo descontos especiais, por exemplo.

Agora que você classificou sua lista de e-mails, é hora de enviar os e-mails certos.

Construir uma sequência lógica, um fluxo de automação de email, é tão importante quanto a segmentação de lista. Se você enviar um e-mail de carrinho abandonado muito cedo, perderá a oportunidade de concluir uma compra. Se você enviar um e-mail de boas-vindas tarde demais, perderá novamente a chance de conversão.

Leia também: 4 funcionalidades que o serviço de e-mail marketing deve ter

Analisando mais de 2 bilhões de e-mails, a GetResponse descobriu que os e-mails de boas-vindas têm uma taxa de abertura de 91,43%.

Envie emails de boas-vindas a tempo para não perder esta grande oportunidade de conversão.

Certifique-se de desenvolver uma sequência lógica de e-mail para cada etapa da jornada do cliente. Automatize suas campanhas de e-mail para maior eficiência e revisite sua estratégia regularmente.

2. Crie e-mails exclusivos

Os profissionais de marketing de ecommerce adoram campanhas de e-mail porque há muitas maneiras de atrair visitantes para o e-mail e convencê-los a fazer uma compra. Mas nem todas as campanhas de email são envolventes ou agradáveis ​​para o leitor.

Se você captar a atenção do visitante no momento mais adequado e fornecer um incentivo para agir, poderá obter melhores taxas de conversão.

Os dois exemplos a seguir são formas inteligentes de converter visitantes em clientes com marketing por e-mail.

Converta os desistentes de carrinho de compras em clientes

As pessoas abandonam seus carrinhos de compras online 75,4% do tempo. Você não pode permitir que isso aconteça sem agir.

Em um mundo ideal, todos os profissionais de marketing digital capturariam e converteriam todos os desistentes. Mas isso não significa que você não pode minimizar as taxas de abandono de carrinho.

O estudo de Klaviyo de abril a junho de 2017 mostrou que 41,18% dos e-mails de carrinho abandonados são abertos.

Uma maneira de dar aos seus clientes uma razão para voltar é com um lembrete gentil, combinado com uma opção de frete grátis ou um código de desconto que pode facilmente conquistá-los.

Com uma linha de assunto de e-mail atraente, um forte apelo à ação e um incentivo para agir, você pode converter facilmente usuários que abandonaram carrinhos em clientes e aumentar a receita.

Converta assinantes em clientes

Todo mundo quer se sentir especial, incluindo seus assinantes.

Conteúdos exclusivos para assinantes, como descontos ou acesso antecipado aos novos produtos, geralmente apresentam um bom desempenho não apenas porque você oferece às pessoas algo exclusivo, mas também porque seus assinantes são clientes potenciais com grande potencial de conversão.

Adicionar um incentivo além disso, somente para assinantes, aumenta suas chances de fazer uma venda.

3. Envie e-mails pós-venda

Não importa em qual setor você está trabalhando, você sabe que o processo de vendas não termina com a venda. É aí que começa a parte divertida e os e-mails de pós-venda entram em ação.

Os e-mails pós-venda servem a muitos propósitos, incluindo:

  • fornecer mais informações;
  • solicitar feedback;
  • promover conteúdo;
  • construir relacionamentos mais fortes;
  • ampliar a receita.

Seus clientes existentes também são, potencialmente, seus futuros clientes.

De fato, um estudo mostra que a probabilidade de vender para um cliente existente é de 60 a 70% maior do que a venda para um novo cliente:

Email marketing para ecommerce

Por exemplo, um cliente encomenda uma espuma de barbear, ele pode receber um e-mail sugerindo uma escova de cabelo, cera de bigode e amaciante de barba. Graças a este e-mail, os clientes podem ser atraídos para clicar, descobrir mais produtos e fazer uma compra.

4. Relacione-se com seus clientes

Estabelecer uma base de clientes fiéis que façam compras repetidas é tão importante quanto fechar a venda inicial.

Email marketing para ecommerce é o meio perfeito para construir um melhor relacionamento com seus clientes. Enviar emails envolventes pode ajudá-lo a reduzir a rotatividade e a fidelizar o cliente.

Muitas vezes negligenciados, os e-mails de avaliação do cliente são fáceis de criar e possuem um alto valor de retorno.

Uma nota de agradecimento sincera e bem escrita pode ajudá-lo a construir um melhor relacionamento com os clientes.

Enviar um bônus para mostrar sua gratidão, também é uma outra opção.

Com o email marketing para ecommerce, você também pode se relacionar com os clientes inativos que realizaram uma compra e não voltaram. Além disso, você pode oferecer a eles um incentivo, como frete grátis ou um código de desconto.

A Levi envia e-mails de reengajamento para clientes inativos e oferece um código de desconto especial:

Email marketing para ecommerce

Tudo se resume à segmentação de listas de e-mail. Voltando à dica nº 1, segure os clientes inativos e crie campanhas especiais para recuperá-los.

5. Escreva melhores linhas de assunto

Taxas de abertura mais altas significam uma chance melhor de converter assinantes em clientes.

De acordo com um estudo da MailChimp, em média, apenas 15,66% dos e-mails de comércio eletrônico são abertos.

Sabendo que as caixas de entrada de seus clientes estão cheias de todos os tipos de mensagens, você precisa se destacar de alguma forma. Mas como você se destaca entre todos os e-mails na caixa de entrada e chama a atenção dos inscritos?

Escrevendo melhores linhas de assunto.

Existem muitos modelos de linha de assunto, mas não há uma fórmula perfeita para todas as marcas de comércio eletrônico. Para saber mais sobre o tema e se tornar um especialista em criar títulos matadores, leia o artigo; “A ciência por trás dos assuntos de email marketing”.

Comece com sua própria caixa de entrada

Não há um caminho único que leve ao sucesso da estratégia de email marketing para ecommerce. Mas você provavelmente encontrará outros ótimos exemplos para se inspirar em sua própria caixa de entrada.

O que fez você abrir o email?

O que o persuadiu a clicar e agir?

Lembre-se que não há duas lojas online iguais. Sempre realize testes AB para suas táticas de email marketing para ecommerce e veja o que funciona melhor para sua marca. Para acompanhar os resultados é importante que esteja atento aos indicadores de email marketing.

Já entendeu como e porque você deve criar uma estratégia de email marketing para ecommerce, mas não sabe como captar emails e converter usuários em leads? Agora é a hora de acessar o artigo; “Checklist com 4 passos sobre como criar lista de email”.

Com tantas estratégias disponíveis para email marketing para ecommerce você deve estar se perguntando como ter tempo de realizar tudo isso, e ainda cuidar das demais ações de marketing digital para sua loja. A tecnologia é sua aliada!

Ter ao seu lado uma solução completa de Inbound Marketing vai garantir seus resultados, ajudando você gerar leads qualificados, criar ações de nutrição de marketing e aumentar os resultados de suas campanhas de email marketing.

Para otimizar seus resultados com email marketing para ecommerce, entre em contato com a equipe da LAHAR.

Entre em contato com a nossa equipe, crie sua conta grátis e descubra como nosso software pode ajudar em suas ações de marketing e vendas, auxiliando seu time a  desenvolver estratégias que aumentem a conversão de suas ações e estreite o seu relacionamento com seus potenciais clientes.