8 tipos e 5 exemplos de e-mail marketing que sua empresa PRECISA conhecer

Eles fazem parte de qualquer planejamento estratégico de marketing digital e são essenciais para campanhas de marketing para e-commerce. Entretanto, é muito comum que falte inspiração para equipes de marketing para criar novos e interessantes e-mails. Por isso, neste artigo, você vai encontrar exemplos de email marketing que funcionam, e poderá usar essas referências em sua própria estratégia. 

 Todos os dias nossas caixas de entrada de e-mail são inundadas com uma infinidade de mensagens sem criatividade, informação ou objetivo, as quais marcamos como não lidos ou cancelamos a assinatura.

Entretanto, de vez em quando, recebemos exemplos de e-mails marketing tão bem feitos, que além de lermos, também clicamos, compartilhamos e recomendamos aos nossos amigos. 

Ao criar campanhas de e-mail marketing tenha em mente que elas precisam ser inteligentemente escritas para atrair atenção em caixas de entrada tão ocupadas.

Mas, como escrever um e-mail marketing interessante? Sem dúvida, os melhores exemplos de e-mails marketing apresentam:

  • um assunto chamativo, 
  • um conteúdo personalizado e alinhado à persona
  • gráficos e imagens interessantes e projetados para dispositivos desktop e móveis,
  • um call-to-action significativo.

Afinal, se as marcas estão ocupando o tempo dos assinantes – e o espaço da caixa de entrada – com outro e-mail, cada mensagem deve ter um objetivo dentro do funil de conversão.

Não apenas os títulos dos e-mails marketing devem ser atraentes, nem as estratégias de automação de e-mail marketing são suficientes para fazer uma campanha de e-mail marketing um sucesso.

Muitos outros fatores são relevantes e fundamentais, por isso, para ajudar você a desenvolver materiais tão bons que vão fazer seus assinantes acompanharem cada mensagem do fluxo de automação, organizamos uma lista de alguns exemplos de e-mail marketing.

Continue lendo para descobrir alguns exemplos de e-mail profissional e anote nossas dicas sobre o que os torna excelentes.

Se além dos exemplos você também que se aprofundar sobre outras dicas de como escrever um e-mail marketing, indicamos que acesse o ebook gratuito: Checklist: como criar sua campanha de e-mail marketing do ZERO sem esquecer nenhum detalhe”. 

O que escrever no E-mail marketing? Conheça os principais tipos de e-mail marketing

Para definir o que escrever no e-mail marketing é preciso avaliar qual tipo de e-mail está sendo criado.

Antes de começar a pensar na sua campanha de e-mail marketing, é preciso compreender que os e-mails marketing são divididos em alguns tipos, e usados conforme a situação em que o cliente se encontra em relação à sua empresa.

Confira o nosso infográfico com as principais ideias e depois veja cada uma em detalhe:

1. E-mail de boas-vindas

O e-mail de boas-vindas é uma ótima maneira de iniciar o relacionamento com o seu cliente com o pé direito. Isso porque esse tipo de e-mails funciona, de certo modo, como se você estivesse falando ao vivo com esse usuário.

Veja só: você manda uma mensagem puxando assunto, despretensiosamente, mas na verdade você quer avançar com essa pessoa pela jornada de compra

O objetivo é começar a conversa, mas não parar por aqui: você quer continuar interagindo, mas sem tentar empurrar logo de cara um produto ou serviço.

2. E-mail informativo ou relacional

Um e-mail informativo ou relacional é aquele modelo que você vai usar para continuar se relacionando com seu lead ou cliente. 

Um dos subgrupos mais usados são as newsletter, cujo objetivo é informar a sua base de contatos em relação a atualizações ou novidades relevantes do mercado ou do seu negócio.

Neste tipo de e-mail, você vai usar muita informação em texto, além de chamadas com links para seu site ou blog.

Em outras palavras, ao considerar o que escrever no email marketing, entenda que o conteúdo vai ser o principal elemento desse modelo de e-mail.

Em relação à mensuração dos resultados desse tipo de e-mail, não se prenda apenas aos indicadores de e-mail marketing e métricas de campanha como abertura ou clique. Também é importante analisar quem clicou onde, por exemplo. Isso auxiliará na estratégia de segmentação de clientes.

É essencial que esse tipo de e-mail seja mandado periodicamente para manter o engajamento dos seus contatos. E lembre-se de deixar sua marca bem visível – você pode, por exemplo, colocá-la no cabeçalho.

3. E-mail de retenção

Muitas vezes, um lead chega ao fim do processo de compra, está na cara do gol… mas acaba não comprando. 

É para esses casos que existe o e-mail de retenção. Você vai usá-lo para engajar o usuário, seja por uma compra que ficou num carrinho da sua loja ou o cancelamento de uma assinatura.

Nesse exemplo de email marketing você pode, por exemplo, relembrar o benefício de um serviço ou oferecer alguma vantagem para que o possível cliente finalize a compra.

Em geral, você pode dividir esse tipo em 3 etapas:

  • Frase indicando que se interessa no retorno do usuário;
  • Destaque aos benefícios do produto/serviço;
  • call-to-action (com vantagem adicional ou não).

4. E-mail especial

O e-mail marketing também pode ser utilizado para celebrar datas especiais, seja algo que atinja toda a sua base ou um cliente de um jeito único, como:

  • aniversário, 
  • datas comemorativas, 
  • felicitações por alguma conquista,
  • parabenizações em geral. 

É um jeito de fazer seus prospects e clientes se sentirem especiais. 

Neste modelo de e-mail você pode usar mais gráficos e imagens e textos mais curtos para conquistar e prender a atenção do usuário. 

Além disso, você também pode aproveitar para enviar brindes, cupons ou descontos (mas vamos falar mais sobre isso a seguir).

5. E-mail para clientes inativos

Após algum tempo de relacionamento com a empresa, é comum que alguns clientes parem de se engajar com os e-mails enviados. Mas não desista deles! Você pode usar o e-mail marketing para tentar recuperar esse engajamento, a partir do uso do e-mail para clientes inativos.

Esse é um bom tipo de e-mail para começar com uma oferta chamativa. Entretanto, não se esqueça que a oferta deve estar alinhada com sua audiência – e também não adianta enviar ofertas com muita frequência, pois elas acabarão perdendo o senso de urgência, um importante gatilho mental para e-mail marketing.

É fundamental também destacar a relevância do assunto da sua peça de e-mail, e fazer uma segmentação dos leads escolhidos para receberem. 

Afinal, não adianta enviar esse tipo de e-mail para quem ainda engaja com seus e-mails. Mas, com a segmentação certa, você pode ter boas taxas de abertura e clique.

Algumas boas dicas de estratégia para este tipo de e-mail: 

  • Higienize sua lista de e-mails antes de enviar a peça;
  • Confirme a adesão do usuário;
  • Informe o usuário que ele não receberá spam e insira a opção de opt-in – isso auxiliará no controle de cadastros com e-mails temporários;
  • Evite usar um destinatário de grupo, como marketing@seudominio.com.br;
  • Pergunte quais conteúdos esse lead ou cliente gostaria de receber.

6. E-mail para e-commerce

O e-mail marketing é fundamental para modelos de negócio de e-commerce, pois eles têm o papel de:

  • aumentar a taxa de conversão, 
  • divulgar novidades, 
  • engajar,
  • enviar promoções, 
  • reduzir o volume de carrinhos abandonados, 
  • relacionar etc.

Assim, você deve criar ações de captura de leads, estipulando que usuários se cadastrem na sua lista de e-mails. E para tornar o cadastro mais eficiente, inclua campos de cadastro estratégicos, que tenham dados que você pode usar futuramente em suas campanhas

Quando for criar suas peças, lembre-se sempre de que o conteúdo deve ter ligação com a loja – lançamentos e promoções – mas também pode estar ligado à sua empresa, ou auxiliar seu público com algum tipo de dor ou dúvida.

Faça testes variando diferentes elementos do e-mail, entre eles:  

Após fazer isso e verificar os resultados, adote as tentativas que tiveram melhor desempenho.

7. E-mail promocional

O principal objetivo de um e-mail promocional é fazer uma oferta. Que pode ser tanto o óbvio, como a venda de um produto ou serviço, quanto o download de um conteúdo gratuito, um convite para um webinar, um teste gratuito, entre outros.

É importante que esse modelo de e-mail traduza todo o relacionamento que você teve com o usuário até então em conversão. Ou seja: é quase como se você estivesse fazendo uma proposta de um compromisso ou engajamento um pouco maior em forma de conversão.

Assim, não se esqueça de que seu call-to-action precisa ser bem atrativo e convincente

Vale inclusive fugir dos clássicos “compre agora” ou “saiba mais” – desde que seja melhor do que essas alternativas, é claro.

8. E-mail transacional

Por último, mas não menos importante, elencamos o e-mail transacional. Esse tipo de e-mail deve ser usado para alguma informação que já é esperada por seu público-alvo, como uma mensagem que confirma:

  • atualização de um status, 
  • um cadastro, 
  • um pedido ou uma compra, 
  • o recebimento de um conteúdo,
  • a troca de uma senha.

Por exemplo, quando algum usuário baixa um conteúdo em uma landing page, o ideal é que ele receba um e-mail transacional com o material. 

No caso da troca de senha, é essencial que a pessoa receba esse e-mail com a nova senha, ou pelo menos dizendo que ela foi alterada. 

Se for a confirmação de um pedido, deve-se enviar um e-mail afirmando que a compra foi concluída no site.

Alguns conselhos para o seu e-mail marketing ser exemplo

Agora, vamos dar uma olhada em algumas dicas técnicas, principalmente em relação à imagens, que garantirão mais qualidade à sua peça. 

Assim, ela terá mais chance de ser aberta, clicada e gerar o resultado desejado. Veja as dicas abaixo:

  • Opte pelo formato de e-mail marketing em HTML, e equilibre o conteúdo com imagens e textos;
  • Utilize alt tag nas imagens, sempre com um texto que descreva o que é aquela imagem. Aproveite esse espaço para incentivar a exibição da imagem. Para isso, escreva na alt tag, por exemplo “checklist de redes sociais – clique em ‘autorizar imagens’ para visualizar”;
  • Lembre-se sempre de inserir link nas imagens. Assim, mesmo que elas não sejam mostradas, a área delas ficará clicável. Isso se torna ainda mais útil quando de usa alt tags;
  • Não se esqueça de conferir o tamanho da imagem, se ela for muito pesada, vai demorar muito tempo a carregar, desanimando o usuário a esperar. Além disso, pode fazer com que sua peça seja considerada como SPAM pelo servidor de e-mail;
  •  Verifique se a plataforma de e-mail marketing que você usa não possui templates de e-mail marketing prontos em HTML para serem utilizados para criar suas peças. Essa é uma das funcionalidades da LAHAR de relacionamento. 

Leia também: O que é automação de marketing e por que essa estratégia já conquistou tantas empresas?

Exemplos de e-mail marketing: 5 empresas de sucesso

#1 Uber

A beleza dos e-mails da Uber está em sua simplicidade, como você pode ver no exemplo de e-mail marketing, abaixo.

O e-mail de boas vindas, que também pode ser entendido como um e-mail transacional, é breve, explicativo e objetivo, tudo isso sem passar uma imagem fria ou distante do usuário – ao contrário. 

O call-to-action é muito claro e único, o que é uma sugestão dos grandes especialistas na área. 

O exemplo de e-mail também ensina, em um passo a passo breve, o lead a usar o serviço no qual ele acabou de se cadastrar. 

Para as pessoas que desejam aprender mais, o link para a página de suporte é sutilmente inserido, assim como links para as redes sociais.  

#2 Dropbox

Um e-mail curto, simples e muito informativo, sobre uma novidade na sua finalidade do Dropbox, entre como um dos exemplos de e-mail marketing mais eficientes. 

A grande sacada aqui é observar o exemplo de texto de marketing digital assertivo e objetivo. 

Tente experimentar essa fórmula nos e-mails da sua empresa.

#3 Nubank

O Nubank é uma das empresas queridinhas do momento, e mantém essa preferência quando o assunto é a comunicação por e-mail. 

Como no exemplo de e-mail profissional, a seguir, a empresa oferece conteúdos relevantes para os leads – como descontos na antecipação de compras parceladas.

A forma como o conteúdo é apresentado também merece destaque: um texto objetivo, um vídeo animado claro e um CTA direto. 

Isso sem contar no assunto que também chama a atenção e entrega o que propõe. Um exemplo poderoso para ampliar taxas de abertura de e-mail marketing.

No mínimo você fica curioso para saber o que tem dentro daquele e-mail. 

#4 Amazon

Quando você tem um cadastro na Amazon e pesquisa sobre produtos, por exemplo, livros, a plataforma tem uma excelente postura de envio de e-mails simples, mas assertivos, que mostram ao usuário livros pelos quais ele pesquisou e livros relacionados, do mesmo estilo. 

Dessa forma, ela nutri os usuários que ainda não compraram, mas que estão nas etapas finais do funil de vendas. Uma ótima estratégia de conversão. 

#5 Spotify

A Spotify também é uma das empresas que podem ser consideradas um exemplo de e-mail comercial. Além de ofertas promocionais impactantes, como a que vemos abaixo, a empresa ainda oferece um e-mail muito eficaz. 

Textos curto e objetivo, oferta em destaque e CTA único com uma mensagem e vantagem clara.

Essa também é uma combinação poderosa para ampliar as taxas de cliques e conversão. 

O que escrever no E-mail marketing?

A partir dos exemplos de e-mail marketing que apresentamos até aqui, listamos algumas dicas sobre o que escrever no e-mail marketing, confira:

  • Atenção ao assunto do e-mail marketing para ser impactante e atrativo, 
  • Crie uma oferta realmente relevante e alinhada ao público, para ampliar as taxas de clique s e conversão,
  • Use uma combinação dos princípios de design de e-mail marketing, criando um material clean e funcional, sem perder a identidade. Isso produzirá os melhores resultados das estratégias de e-mail marketing.
  • Tente incluir não mais do que três seções separadas dentro de um e-mail para garantir concisão e simplicidade.
  • Se você precisa comunicar muitas informações em um e-mail, organize a informação de uma forma que ainda seja facilmente consumível para o leitor garantir uma experiência de qualidade, distribuindo-as em tópicos, por exemplo.
  • Esteja consciente do seu público de e-mail e das personas que sua marca atende. 
  • Crie emails adaptados aos seus interesses e conhecimentos específicos, criando uma sensação muito mais personalizada.

Quais são os exemplos comuns de E-mail marketing?

Entre os modelos e tipos de e-mail marketing, estão entre os principais exemplos: 

1. E-mail de boas-vindas

2. E-mail informativo ou relacional

3. E-mail de retenção

4. E-mail especial

5. E-mail para clientes inativos

6. E-mail para e-commerce

7. E-mail promocional

8. E-mail transacional

Como criar um assunto chamativo para o E-mail?

Para criar um assunto chamativo para e-mail indicamos que siga algumas dicas, entre elas:

  • Seja conciso e objetivo ao passar a informação desejada,
  • Invista em testes A/B para avaliar o tipo de assunto e conteúdo que melhor funciona com seu público. 
  • Evite certas palavras que são reportadas como spam, entre elas, “promoção”, “grátis, etc,
  • Apresente uma oferta de valor e alinhada ao público, 
  • Seja pessoal, use o nome do lead e alinhe o conteúdo às informações que você tem sobre ele.

Gostou dos exemplos de e-mail marketing e das dicas para aplicar as melhores estratégias na sua empresa? 

A LAHAR oferece soluções de automação de marketing que podem otimizar seu trabalho de envio de e-mail marketing, além de facilitar o acompanhamento de resultados e gerenciamento de leads.

A ferramenta de automação de marketing torna o trabalho mais estratégico e produtivo, automatizando uma série de atividades repetitivas como o disparo de e-mail de boas vindas para um lead ou e-mail de carrinho abandonado

A ferramenta de marketing também permite que outras ações sejam realizadas como:

  • criação de landing pages (sem precisar de códigos) para capturas de cadastros;
  • agendamento e monitoramento de publicação em redes sociais;
  • ferramenta de e-mail marketing para criação de campanhas e automação;
  • gestão e segmentação de contatos cadastrados na ferramenta;
  • lead tracking e lead scoring para auxiliar na estratégia de Inbound Marketing;
  • relatórios unificados que ajudam na tomada de decisão;
  • e mais!

Se você está em busca de uma ferramenta que te ajude a colocar em prática suas ações de Inbound Marketing entre em contato com a equipe da LAHAR e descubra como nosso software de automação de marketing pode ajudar a sua marca.

Facebook Comments

Deixe um comentário