Inbound Marketing para pequenas empresas: porque vale a pena e como investir

Existem muitas razões que reforçam a importância do Inbound Marketing para pequenas empresas. Entre elas estão:

  • a redução de custo com marketing;
  • maior competitividade frente a concorrentes com maior capacidade financeira;
  • a ampliação do ROI;
  • a geração de leads qualificados;
  • o maior potencial de fidelização de clientes.

Empresas online e negócios offline (ou físicos) podem e devem investir em ações de Inbound Marketing para pequenas empresas.

O objetivo de cada etapa dessa tática é fazer com sua empresa se torne parte da jornada de compra do usuário.

Inbound Marketing para pequenas empresas: 4 ações para ter sucesso

Ao contrário do Outbound Marketing que interrompe o potencial cliente, por exemplo, com anúncios, o Inbound Marketing utiliza uma abordagem baseada em permissão.

Leia mais em: O que é inbound e outbound em marketing: qual usar em seu negócio?

Em vez de interromper os usuários, o Inbound Marketing para pequenas empresas (e também para grandes empresas) aproveita os canais de comunicação comumente acessados pelos usuários para oferecer informação e ser relevante. 

Por exemplo, por meio da produção de conteúdo relevante e de táticas diversas de SEO, uma empresa pode ser bem rankeada no Google e aparecer como resposta para uma pesquisa feita por um usuário.

Esse usuário, por sua vez, clica na “resposta”, acessa seu site e lê seu conteúdo.

Quando bem construído um conteúdo tem o potencial de levar o leitor para outros artigos, conhecer um ebook, acessar uma landing page e se tornar um lead. Esse lead será nutrido e se transformará em cliente.

Mas tudo isso é apenas um exemplo. 

A seguir listamos 4 táticas de Inbound Marketing para pequenas empresas. 

1. Marketing de conteúdo

Por meio de marketing de conteúdo sua empresa poderá oferecer valor para o cliente em potencial.

O marketing de conteúdo não deve ser trabalhado apenas no blog da sua empresa, ele inclui outras estratégias como:

  • redes sociais;
  • e-mail marketing;
  • webinars;
  • vídeos;
  • ebooks e mais.

Antes de começar a preparar qualquer material é preciso compreender quem é ou quais são as personas do seu negócio. Só assim você vai compreender que tipo de informação é relevante para ela e sobre o que ela está em busca.

No vídeo abaixo o conceito de persona é esmiuçado e você poderá entender como aplicá-lo em sua estratégia de Inbound Marketing para pequenas empresas.

Leia também: Como criar personas e se comunicar com o cliente certo

O próximo passo do marketing de conteúdo é saber o que escrever.

Para isso ferramentas como Google Keyword Planner e Google Trends ajudam sua equipe a definir o que seu público está pesquisando e quais as palavra-chaves ideais para seu planejamento de conteúdo.

2. Captura e gestão de leads

O marketing de conteúdo vai ajudar sua empresa a atrair visitantes para seu site e demais páginas como landing pages e redes sociais.

A partir disso um novo objetivo deve ser considerado: converter usuários em leads.

Para isso uma das técnicas mais usadas é o oferecimento de conteúdo adicional, como um ebook, mediante o preenchimento de um formulário que inclui informações como nome, telefone e e-mail.

Você também pode usar pop-ups de saída e cupons de desconto para captar esses leads. Redes sociais também permitem a geração de leads.

3. Conversão de clientes

Com os leads em mãos é hora de iniciar a nutrição do leads, segmentação e os fluxos de automação. Essa etapa tem o objetivo de transformar simples leads, em leads prontos para fazer uma compra.

Neste ponto, os leads passarão a receber conteúdo de qualidade da sua empresa. Esses conteúdos não são inteiramente comerciais e seu caráter será definido de acordo com:

Inbound marketing para pequenas empresas

Fonte: Surfe Digital

Contar com o apoio de um software de automação de marketing vai aumentar seus resultados e tornar o trabalho mais efetivo. Esses sistemas podem:

  • rastrear cliques;
  • pontuar leads;
  • automatizar o fluxo de e-mail;
  • gerar SMS e mais.

Leia mais em: Fluxo de nutrição: 10 tipos de automação de e-mail marketing

Após a etapa de geração de leads dentro de uma estratégia de Inbound Marketing para pequenas empresas é hora de se concentrar em transformar leads em clientes.

À medida que os contatos são cultivados por meio de ações de nutrição, que podem envolver e-mail marketing, SMS, redes sociais e mais, sua empresa pode incentivar esses contatos a avançarem na jornada do cliente com  objetivo de aumentar a taxa de conversão.

4. Redes sociais

As redes sociais são canais constantemente usados por pequenas empresas para alcançarem usuários, leads e clientes.

Com estratégia de atração este canal pode auxiliar a atrair visitantes para seu site.

Na etapa de nutrição é possível gerar conteúdo que mantenha seu cliente envolvido com a marca.

Leia também: Marketing digital de resultados: 4 dicas e + de 10 ferramentas

Existem ferramentas dentro das redes sociais que também auxiliam na etapa de conversão, com inclusão de CTAs e chamadas segmentadas.

Colocando em prática o Inbound Marketing para pequenas empresas

A lista de ações que criamos e apresentamos acima, são apenas algumas das táticas relacionadas ao que é o Inbound Marketing para pequenas empresas.

Para complementar sua formação, e te ajudar a colocar em prática a estratégia de Inbound Marketing para pequenas empresas, indicamos a leitura de “15 ferramentas de Inbound Marketing: do atrair ao fidelizar”.

E que tal, experimentar uma delas, gratuitamente, e ver os resultados de suas ações de maneira prática?

O software de automação de Inbound Marketing da LAHAR ajuda na sua estratégia de nutrição de leads, inbound marketing e vendas em um sistema completo para fazer sua empresa crescer mais.

Entre as funcionalidades da nossa plataforma você encontra:

  • criação de ações e monitoramento de redes sociais;
  • painel de palavras-chave para SEO e marketing de conteúdo;
  • criação de landing pages e formulários;
  • criação e envio de e-mail marketing;
  • teste AB (e-mail marketing e páginas de destino);
  • automação de marketing;
  • Lead Tracking;
  • Lead Scoring para a qualificação de leads;
  • relatórios e mais.

Gostou? Realmente parece que vai facilitar a sua vida não é mesmo? Então, crie sua conta e veja porque mais de 700 clientes usam nosso software, disparando mais de 10 milhões de e-mails por mês.

Facebook Comments

Deixe uma resposta