Plano de negócios para agência de marketing digital: 6 etapas para criar o seu

Você está prestes a começar uma agência de marketing digital ou já está a todo vapor há algum tempo? Se você respondeu sim para qualquer uma dessas situações, pode ter deixado – ou estar deixando – alguma coisa para trás: o plano de negócios para agência de marketing digital.

Mesmo sendo extremamente importante para o crescimento saudável da organização, o plano de negócios é muitas vezes ignorado por empresas de variados setores, e isso não é diferente para as agências digitais.

Então, que tal fazer diferente e construir um plano de negócios para agência de marketing digital? Entre as vantagens de criar esse documento, estão:

  • organizar os passos que sua empresa precisa seguir para alcançar mais clientes;
  • ampliar seu espaço de mercado;
  • faturar mais e por mais tempo.

A seguir, separamos o passo a passo para desenvolver um plano de negócios para agência de marketing digital.

Como criar um plano de negócios para agência de marketing digital

1. Propósitos internos

É importante que o plano de negócios da sua agência de marketing digital olhe para seus objetivos internos. Nesse momento do planejamento você deverá definir suas metas, e meios para atingir essas metas, para seus funcionários.

Você vai deixá-los saber o que é esperado deles e que tipo de desempenho será considerado satisfatório.

Também os informará como a empresa está se saindo e tentará convencê-los a permanecer a bordo, em busca de reter seus talentos.

Um plano de negócios que olha pra dentro também é uma ótima maneira de entender onde você está realisticamente, o que geralmente é um problema para as agências de marketing digital.

2. Clientes potenciais

Seu plano de negócios deve ser direcionado a seus clientes atuais e potenciais. Criar objetivos e estratégias, na qual você apresenta todas as coisas incríveis que planeja realizar e as ferramentas que pretende usar. Também pode ser uma ótima maneira de anunciar a grande variedade de seus serviços e introduzir novos.

Neste tópico do plano de negócios de sua agência de marketing digital você deve:

  1. entender quem é seu público – lembre-se que você presta serviços B2B, pelo menos na maior parte do tempo;
  2. analisar os serviços que você presta;
  3. entender quais serviços são mais importantes para os clientes;
  4. eliminar atividades que não condizem mais com a realidade de seu público;
  5. introduzir novos conceitos que serão o futuro do marketing digital, como inteligência artificial, processamento digital de linguagem natural, análise de dados e assim por diante.

Plano de negócios agencia de marketing digital

Uma grande parte de saber se sua agência terá sucesso é entender seu público. Certifique-se de que seu plano é claro sobre a definição de seu mercado-alvopara quem você estará vendendo e quantas outras agências já estão vendendo serviços semelhantes?

Seus anúncios não funcionarão se não apelarem para o que seus clientes em potencial desejam ou precisam. Pesquise e descubra o máximo possível sobre as pessoas para as quais deseja vender.

Leia também: Como fazer um briefing para agência: guia com 11 perguntas

Muitos donos de empresas caem na armadilha de acreditar que seus produtos ou serviços são “para todos” – ou seja, qualquer um estaria interessado ou precisaria dos produtos. Mas mesmo que você defina o seu negócio como uma agência de marketing digital de serviço completo que agrada a um amplo mercado de diversos consumidores, é necessário identificar em seu plano de negócios para sua agência de marketing digital quem é seu consumidor ideal.

3. Números. Números. Números.

Há algum tempo o marketing passou a ser mais sobre números e menos sobre feeling. Ter uma compreensão completa dos números que afetam o seu negócio é um componente crucial no plano de negócios da agência de marketing digital.

Não importa quem é o público para o seu plano de negócios, você terá que ser extremamente preciso com seus números.

Quando você aprofunda o suficiente, um plano de negócios nunca é sobre as palavras. É sobre os números:

  • Quantos clientes você tem no momento?
  • Quantos mais você planeja atrair?
  • O que você está fazendo para manter seus clientes?
  • Quanto custa a retenção de clientes?
  • Quanto você está pagando a seus parceiros externos?
  • Que tipo de taxa de crescimento você está esperando?
  • Como você planeja vender seus serviços?
  • Quanto custará vendê-los?
  • Você está planejando fazer um novo empréstimo comercial?
  • Qual é a taxa de rotatividade de funcionários?
  • Tudo isso e muito, muito mais tem que ser apoiado por números.

Todas as respostas para essas perguntas precisam ser respondidas dentro do plano de negócio da sua agência de marketing digital.

Simplificando, sem números que apoiam suas estratégias, ninguém vai acreditar em você – nem em seus funcionários, nem em seus potenciais investidores ou parceiros, nem em seus clientes.

Plano de negócios agencia de marketing digital

4. Analise seu mercado

Você precisa buscar um diferencial competitivo para atuar em um mercado com centenas de agências de marketing digital, então, o primeiro passo dentro desse tópico do plano de negócios da sua agência de marketing digital é fazer um levantamento de concorrência. Você deve saber:

  • quem são seus concorrentes mais diretos;
  • os serviços que prestam e como eles são executados;
  • quais seus diferenciais;
  • como o público percebe essas empresas.

Analisar o mercado não é – apenas – uma maneira de espionagem, é também fonte de inspiração para você identificar possíveis “furos” de mercado, que você pode atender.

Além de estar preparado para lidar com as forças e fraquezas dos concorrentes você estará fortalecendo sua marca.

Ah! É importante que você entenda como seus concorrentes captam novos clientes. Se você perceber que a ação é muito passiva, por exemplo, pode se tornar uma agência mais ativa para alcançar clientes em potencial.

5. Seja realista e honesto em seu plano financeiro

Os planos de negócios para agências de marketing digital devem ser realistas e honestos. O maior erro que os empresários podem cometer quando elaboram um plano de negócios é estarem excessivamente otimistas com as vendas e  com as estimativas futuras de custos.

Certifique-se de que seu plano de negócios demonstra:

  • as razões convincentes pelas quais os clientes precisam dos serviços de sua agência;
  • como você alcançará diferenciação competitiva no setor de marketing digital.

Torne as finanças realistas e observe os piores cenários de caso para ter uma visão do que poderia dar errado e do que você precisaria fazer para corrigir as coisas.

Este tópico é bastante relevante para empresas que pretendem escalar seus negócios.

Os custos relativos a uma nova sede com mais espaço e a contratação de mais colaboradores podem significar muitos gastos fixos, por isso, coloque tudo na ponta do lápis e faça um planejamento financeiro para o ano, incluindo as despesas de crescimento.

Talvez seja melhor esperar mais um ou dois anos para reforçar suas bases atuais e posteriormente dar esse salto.

6. Faça uma lista de recursos de apoio necessários

Com um amplo acesso à tecnologia, você também pode – e deve – considerar adotar ferramentas para agências de marketing digital, que apoiem o seu trabalho, para:

  • otimizar processos;
  • reduzir custos;
  • ampliar a lucratividade.

Entre os sistemas para agências de publicidade que vão ajudar você a colocar as estratégias de marketing digital atuais em prática de maneira eficiente e ainda operar a gestão da empresa de maneira mais natural, estão:

  • CRM,
  • software de automação de marketing;
  • aplicativo de armazenamento e compartilhamento de arquivos;
  • sistema de gerenciamento de projetos, entre outros.

É importante que seu plano de negócios preveja a utilização dessas ferramentas, pois, elas impactam diretamente no resultado financeiro da empresa, no tipo de serviço que pode ser oferecido aos clientes, no tamanho da equipe que você vai precisar e mais.

Por exemplo, se a sua empresa se propõe a fazer inbound marketing, ela precisa contar, por exemplo, com sistemas de automação de marketing para captar leads, qualificá-los, nutrir por meio de um fluxo de nutrição por e-mail marketing, incluir os prospects com maior pontuação no CRM da equipe de vendas e mais.

Fazer isso manualmente, para cada um dos clientes que a sua agência atende, é humanamente impossível, mesmo com uma equipe de centenas de colaboradores. Isso tudo sem falar no custo dessa operação sem tecnologia especializada.

Inclua a previsão de necessidade de tecnologia no plano de negócios de sua agência de marketing digital.

A LAHAR é um software de automação de marketing que oferece funcionalidades como nutrição de leads, automação de e-mails e SMS, landing pages e outras ferramentas completas para atrair leads, criar relacionamentos e gerar vendas.

Para melhor atender às necessidades das agências criamos um White Label para agências de marketing, no qual você personaliza o sistema para ter a marca e o nome da sua empresa, agregando ainda mais valor para seus clientes.

O vídeo abaixo apresenta detalhadamente o que o sistema da LAHAR é capaz de oferecer e o que você poderá vender aos seus clientes como uma funcionalidade própria da sua agência:

Conheça nossos planos e preços especiais para agências de publicidade.