Como vender cursos online: 5 ações desde a criação do canal até a venda

Com a crescente demanda por opções de aprendizagem flexíveis na era moderna, os futuros estudantes esperam maior acesso à educação por meio de dispositivos digitais, como laptops, tablets e até telefones. Talvez você já saiba disso tudo, e por isso, esteja interessado neste assunto, mas você sabe como vender cursos online?

Talvez você seja responsável por uma instituição de ensino que já ofereça cursos presenciais ou apenas um profissional que deseja ampliar sua renda e até mesmo mudar de carreira por meio do oferecimento de cursos online.

Não importa em qual perfil você se encaixa, certo é que você pode aproveitar a demanda pela educação a distância e se beneficiar da evolução natural da indústria para se tornar um fornecedor líder de cursos online.

A seguir, separamos um vídeo com a apresentação de opção de plataforma EAD para que você possa montar seu curso com todo apoio. Após o vídeo, listamos 5 dicas de como vender cursos online de maneira eficiente.

Como vender cursos online com 5 estratégias certeiras

Antes de começar seu novo negócio, é preciso aprender como vender cursos online, e é claro, que para isso, você precisa aprender como criar um curso.

Vamos considerar 5 etapas essenciais para vender cursos online com sucesso.

1. Defina seu público

Como acontece com qualquer negócio, é essencial saber para quem você está tentando vender o produto.

As opções de treinamento online são vastas e variadas, portanto, para que sua instituição tenha sucesso na estratégia de como vender cursos online, é essencial ter uma noção clara de quem são seus clientes.

Para definir seu público, considere criar personas de público. Elaborar um perfil detalhado de seu cliente ideal, seus interesses e pontos de dor irão ajudá-lo a encontrá-los.

Depois disso, você pode segmentar ainda mais seu público para considerar diferentes tipos de pessoas que possam estar interessadas em adquirir um curso online.

Depois de ter uma audiência clara e definida, você pode desenvolver uma forte proposta de valor. Isso deve refletir as necessidades de seu cliente ideal e abranger o valor único que seu curso oferece a eles.

O que torna seu curso melhor que outros?

2. Diferencie-se da concorrência

Provedores de treinamento online enfrentam muitos obstáculos ao tentar vender seus cursos. Um dos maiores desafios é a concorrência.

À medida que a indústria ganha ritmo, é cada vez mais importante encontrar maneiras de diferenciar sua empresa dos concorrentes. Para obter vantagem sobre seus rivais, procure fazer o seguinte com seus cursos on-line:

  • Teste-os rigorosamente. Não deixe que um ótimo curso sofra com uma experiência ruim para o usuário. Teste o projeto, procurando falhas e pontos onde possa haver uma melhoria em todas as áreas. Certifique-se de que o conteúdo que você fornece atende diretamente às necessidades do seu público. Lute pela perfeição e, quando receber feedback positivo e depoimentos, use-os para obter mais credibilidade.
  • Use um design profissional. Qualquer outra coisa parecerá amadora e será tratada como tal. O treinamento de primeira classe merece um design elegante e profissional que é atraente e agradável de se navegar.
  • Torne-o compatível com dispositivos móveis. Dependendo da idade dos seus alunos, você pode ter usuários em smartphones, tablets ou laptops. Seus cursos online precisam ser responsivos a diferentes dispositivos, permitindo a troca sem interrupções e acesso fácil, independentemente da plataforma.

Como vender cursos online

3. Preço certo

Definir o preço de um curso online pode ser complicado, mas é fundamental para o processo de como vender cursos online, afinal, um preço alto afasta seus “alunos”, que encontrarão na concorrência valores mais atraentes. Entretanto, um valor baixo pode não valorizar seu trabalho, prejudicar sua margem de lucro e passar a impressão de um curso amador.

Considere os custos de produção do curso e considere todos os custos adicionais envolvidos na obtenção do curso até o ponto de venda.

Olhe para os concorrentes e o que eles estão oferecendo para cursos similares, e pense sobre o que você está oferecendo e para quem.

Ao ponderar as opções, você deve poder estimar a demanda do seu curso e definir um preço que reflita o valor do material.

4. Atender às necessidades dos profissionais/estudantes modernos

A ascensão do e-learning está intimamente interligada com a obsessão moderna pelo digital. As pessoas esperam que sua experiência de aprendizado seja agradável, envolvente e até divertida – assim como acontece com seus aplicativos e jogos de computador.

A aprendizagem online não deve ser simplesmente um palestrante que dita notas sobre o vídeo. As aulas devem incentivar a interatividade e a participação em grupo, incutindo um senso de comunidade e trabalho em equipe ao longo do curso.

Uma maneira de fazer isso é usar ramificação, que cria uma experiência mais personalizada que permite aos alunos algum controle sobre como eles aprendem.

Outro método é dividir o treinamento em segmentos pequenos, que oferecem aos usuários de dispositivos móveis a chance de aprender em qualquer lugar. Os alunos podem completar as aulas durante os deslocamentos, ou em intervalos para almoço, o que torna conveniente estudar online enquanto trabalha em um emprego em tempo integral.

5. Marketing digital é essencial para o sucesso

Ouso dizer que você não vai encontrar nenhum guia sobre como vender cursos online, roupas, softwares, shampoo, tapete, enfim, que tente ensinar a vender qualquer coisa, que não fale sobre o marketing.

Para seu curso ser um sucesso, você deve criar consciência de marca e se conectar com seus clientes através dos mesmos meios em que eles estarão estudando.

Em primeiro lugar, sua empresa deve ter um site dedicado exclusivamente à venda do curso. Isso funcionará como um catálogo online, dando aos possíveis alunos as informações de que precisam antes de comprar.

Além disso, ter páginas, ou landing pages, de informações sobre o curso e sua experiência, fornece oportunidades de marketing de conteúdo e otimização de mecanismos de pesquisa. Isso, por sua vez, ajudará a impulsionar o tráfego, tanto organicamente quanto por meio de publicidade paga.

Através de blogs e marketing de redes sociais, você pode impulsionar rankings de busca orgânica e construir uma forte presença online que gera confiança em sua marca e produtos.

Compartilhar o conteúdo de autoridade de fontes respeitadas na indústria de e-learning continuará a construir sua reputação, atraindo mais clientes para seus cursos.

Por fim, é importante acompanhar as pessoas que compram seus cursos online. O feedback irá ajudá-lo a melhorar os cursos e a obter avaliações valiosas.

Como o mercado de educação continua a se tornar mais competitivo e os estudantes exigem mais de seu aprendizado, das instituições e profissionais, que os ensinam, oferecer um conjunto de cursos online em áreas de especialização vai ajudar a explorar novos mercados e aumentar as receitas.

Comece hoje para ganhar uma vantagem competitiva e oferecer conhecimento e habilidades que os alunos querem e precisam. Essa é uma dica valiosa de como vender cursos online.

A LAHAR e a EAD Plataforma firmaram uma parceria na qual você, como responsável por um curso online, poderá integrar a ferramenta de hospedagem dos cursos, com as ações de Inbound Marketing, por meio do software de automação. Para saber mais sobre essa integração e como vender cursos online pode se tornar mais simples por meio da utilização dessa facilidade, acesse o artigo; “Estamos integrados ao EAD Plataforma! \o/”