Startup de vendas: entenda o que são e quais as principais do mercado

O surgimento das startup de vendas e de todos os outros segmentos, sem dúvidas mudou o mercado nacional e internacional. Só no Brasil, já são mais de 13 mil delas, como indicam as estatísticas da Startup Base.

Apesar de tantos negócios desse porte, a maioria deles tem apresentado um crescimento rápido e promissor, o que os torna um atrativo para grandes investimentos. Não é à toa que muitas startups já são consideradas unicórnios.

Neste post, vamos falar especificamente sobre startups de vendas. Você sabe como elas funcionam, quais atuam no mercado e os resultados que elas podem alcançar?

Acompanhe o conteúdo e saiba mais sobre o assunto!

O que é uma startup de vendas?

Uma startup de vendas é uma empresa focada em oferecer soluções inovadoras, em um modelo escalável e capaz de gerar altos volumes de negócio.

Ao pé da letra, a tradução de “startup” quer dizer “empresa emergente”, ou seja, aquela que desenvolve e aprimora negócios por meio de tecnologias únicas. No caso de vendas, ela nada mais é que um modelo que promove a outras empresas a possibilidade de gerar negócios em maior escala e com mais efetividade.

No Brasil, falar de startup de vendas deixou passou de um termo que era apenas uma tendência, para um mercado que movimenta bilhões de reais. 

As startup de vendas também são chamadas de salestech e possuem uma estrutura muito parecida com todas as outras. Algumas das suas principais características são:

  • Empresas com perfis jovens;
  • Modelos que podem ser replicados para os mais diversos negócios;
  • Investem fortemente em tecnologia;
  • Prometem fazer muito com pouco (custo baixo).

Para entender de forma ainda mais didática o que é uma startup, confira esse vídeo:

Quais as vantagens de uma startup de vendas?

Qual é a empresa que não deseja ser notada, aumentar as suas vendas e crescer? É possível dizer que a grande maioria.

A grosso modo, podemos dizer que essa é a maior vantagem que uma startup de vendas pode oferecer. Outro fator bastante relevante é que elas também visam promover a tecnologia de maneira a beneficiar as áreas.

Por sua vez, a tecnologia aplicada pelas startups também tem o objetivo de reduzir os gastos de operações e potencializar o resultado das ações que a envolvem. É preciso avaliar o que cada empresa tem a oferecer em relação a isso.

Apesar de estarmos falando das empresas voltadas para vendas, as startups que podem ajudar a alcançar esse objetivo tão desejado de impulsionar as vendas podem ter diferentes funcionalidades. 

Um levantamento da Liga Ventures classificou 266 empresas brasileiras que tem o perfil de startup de vendas, portanto, todas elas atuam na inovação e crescimento para essa área.. Algumas das categorias citadas são:

  • Automação de marketing;
  • CRM;
  • Customer Success;
  • Analytics e performance;
  • Plataformas de atendimento;
  • Plataformas que medem produtividade;
  • Vendas e geração de leads;
  • Entre outros.

Acesse este conteúdo e confira também dicas sobre a área financeira para SaaS e startups!

Vejas as principais startups de vendas atualmente

Por serem tão promissoras e atenderem as necessidades do mercado brasileiro, as startup de vendas vêm crescendo cada vez mais. Pelos mesmos motivos, a cada ano também têm surgido diversas opções delas. 

Separamos algumas empresas nesse modelo para você conhecer ou relembrar:

Agendor

A Agendor é uma plataforma de CRM e gestão comercial que possui versões para celular e desktop. Com ela é possível cadastrar novos clientes e acompanhar as vendas, dois pontos simples que antes eram desafios para muitas equipes.

A plataforma conta com um painel de controle que permite automatizar ações, sincronizar e importar informações de planilhas, trabalhar o relacionamento com o cliente, acessar dados e muito mais.

Ramper

Considerada pela Revista Pequenas Empresas e Grandes Negócios uma das 100 startups “mais quentes do mercado”, a Ramper é uma plataforma que automatiza o processo de prospecção e captura dos contatos. De um modo geral, seu objetivo é otimizar o trabalho do time comercial, sem que precisem perder tempo buscando novos contatos.

Por meio da sua integração com o Linkedin, o Ramper apresenta novos contatos que ajudam a construir uma lista de interesses comerciais. A partir disso, é possível automatizar o processo completo, desde os primeiros contatos até a finalização da venda.

Meetime

Relacionamentos humanos continuam sendo indispensáveis, apesar de toda a tecnologia. Por isso, a Meetime surgiu para atender uma das áreas mais importantes das empresas: a de vendas.

Com um software simples, a startup de vendas ajuda a organizar o processo comercial, treinar os times de vendas e transformar mais leads em vendas. Alguns dos principais objetivos da empresa são: ajudar a diminuir o tempo de conversão da venda, reduzir o custo de aquisição de clientes e aumentar a produtividade da equipe.

Conheça mais sobre as 7 startups que estão revolucionando o mercado!

O sucesso das startups de vendas

Com tantas startups se tornando verdadeiras promessas bilionárias, já deu para perceber que a maioria delas realmente entrega o que promete.

Se você está buscando uma dessas opções para ajudar a alavancar os resultados de uma empresa, ou simplesmente saber qual oferece mais vantagens, o que podemos dizer é que tudo isso pode variar de acordo com cada necessidade.

Sendo assim, pesquise as alternativas, conheça o que cada uma tem a oferecer e aproveite toda a inovação que essas empresas trouxeram para o mercado comercial.

Esse guest post foi escrito por Fintech, o blog com tudo sobre o mercado de fintechs brasileiro. 

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.